fbpx Fertilidade | Amato Software

Fertilidade

Subscribe to Fertilidade feed Fertilidade
Clínica de Fertilidade e Reprodução Humana
Updated: 11 hours 7 min ago

Fertilização

Fri, 01/22/2021 - 21:38

Uma vez que o espermatozoide obteve entrada ao óvulo, uma cadeia complexa de eventos ocorre dentro de um período de mais ou menos 16 horas, culminando com o material genético do esperma, formando uma estrutura chamada de “pró-núcleo masculino” e o material genético do óvulo formando o “pró-núcleo feminino”. Os pró-núcleos masculino e feminino movem-se juntos em direção ao centro do óvulo e durante a fertilização In-Vitro;  isto pode ser visto no microscópio. O óvulo pode agora ser chamado de embrião fertilizado e normalmente estaria neste estágio um dia após a ovulação.  
No dia seguinte após a fertilização, o material genético do embrião deve dobrar e depois dividir-se formando duas células idênticas, tudo ainda dentro da membrana. Essa duplicação de material genético e divisão continua pelos próximos dois dias até que o embrião tenha por volta de oito células.
Com oito células, o embrião continua dividindo-se para fazer mais células, mas agora as células se tornam fortemente ligadas e começam a comunicarem-se umas com as outras.
Por volta do 4º ao 6º dia de fertilização, o estágio de blastocisto do embrião começa. O embrião agora tem entre 50 e 100 células. Fluidos começam a preencher o interior do embrião, formando uma pequena cavidade. As células externas começam a formar uma parede e as células internas formam uma bola – isto se tornará o futuro bebê.

Fonte: Amato, JLS. Em Busca Da Fertilidade. 2014

O post Fertilização apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Como funciona a fertilização in vitro?

Fri, 01/22/2021 - 13:56

A fertilização in vitro (FIV) é um tipo de tratamento para fertilidade que é bastante falado, porém boa parte das pessoas não sabe realmente como ele funciona. É muito importante que os casais que estão pensando em fazer um tratamento para engravidar conheçam os detalhes desse procedimento.

Isso é fundamental, porque assim eles descobrem quais são as etapas do tratamento, entendem se ele é adequado para o cenário deles e ainda podem ficar mais tranquilos caso façam a FIV. Afinal, eles sabem por quais etapas têm que passar.

Então, se você e seu parceiro estão pensando em fazer um tratamento de fertilidade, precisam conhecer verdadeiramente a fertilização in vitro. Pensando nisso, vamos explicar neste post como ela funciona e suas principais características.

O que é a fertilização in vitro

A FIV é um tratamento de alta complexidade, em que é realizada a coleta de óvulos e espermatozoides, da mulher e do homem para que a fecundação seja feita em laboratório. Após a formação do embrião, esse é colocado no útero da mulher.

Muito conhecida também como bebê de proveta, a fertilização in vitro já é realizada no Brasil há mais de 30 anos, sendo que o primeiro bebê de FIV do país nasceu em 1984. Desde então, a técnica evoluiu e continua auxiliando casais inférteis a realizarem o sonho de serem pais.

Como funciona a FIV

A fertilização in vitro é realizada em etapas bem definidas e todos os pacientes que estão passando pelo tratamento precisam cumprir essas fases. Abaixo, explicamos detalhadamente cada etapa para que você entenda como funciona a FIV:

Indução da ovulação

O primeiro passo que deve ser realizado na FIV é sempre a indução da ovulação da mulher, que é feita por meio de medicações. Em casa, a paciente injeta em si mesma os medicamentos e a indução é monitorada com ultrassons transvaginais. Esses exames devem ser feitos em uma clínica  pelo médico ou médica especialista em tratamentos de fertilidade.

Com a indução da ovulação, os folículos da mulher crescem. A ideia na fertilização in vitro é justamente que mais de um folículo cresça, porque assim haverá um número maior de óvulos para realizar o tratamento. Dessa forma, as chances de a FIV ser bem-sucedida também são maiores.

Aspiração dos óvulos e coleta de espermatozoides

Quando a paciente está para ovular, começa a segunda etapa do tratamento: a aspiração dos óvulos e coleta dos espermatozoides. A aspiração dos óvulos deve acontecer sempre em um laboratório de reprodução assistida, que é o espaço onde é feita a manipulação de materiais biológicos.

No laboratório, a paciente toma uma anestesia e dorme entre 20 a 30 minutos. Nesse momento, por meio de um ultrassom transvaginal guiado por uma agulha, os óvulos são aspirados pelo profissional. Enquanto a paciente faz a aspiração dos óvulos, o parceiro realiza a coleta de espermatozoides.

Fertilização in vitro

Após a aspiração de óvulos e a coleta de espermatozoides, um biólogo especializado do laboratório seleciona os melhores entre todos os elementos coletados e faz a fertilização in vitro também em laboratório. Os embriões se formam e começam a evoluir ainda nesse ambiente.

Uma curiosidade é que essa escolha pelos melhores elementos pode levar até horas. Isso acontece porque o profissional responsável por essa etapa analisa diversos critérios para ter certeza de que está selecionando os melhores e, assim, está aumentando as chances de sucesso do tratamento.

Transferência do embrião

Após a formação dos embriões, os que mostrarem maior potencial são transferidos para o útero da paciente. Geralmente, mais de um embrião é colocado no útero para que haja mais chances de ocorrer a gravidez.

A transferência embrionária é um procedimento muito tranquilo, em que o médico insere os embriões no útero da mulher por meio de um cateter. Não é necessário tomar anestesia e após 20 ou 30 minutos, a paciente já pode ir para casa. Depois de, aproximadamente, duas semanas, a mulher deve fazer o teste de gravidez para descobrir se o tratamento funcionou.

Quanto tempo dura o tratamento

A fertilização in vitro, desde a ovulação até a fecundação em laboratório, dura aproximadamente de 15 a 20 dias. Depois da transferência embrionária, a paciente deve esperar cerca de duas semanas para realizar o exame de gravidez e conferir se o procedimento foi bem-sucedido.

Sendo assim, o tratamento completo da FIV geralmente dura cerca de 1 mês. Caso a primeira tentativa não funcione, se desejar, o casal pode tentar novamente a FIV. Nesse cenário, o indicado é descobrir o que motivou a falha na primeira tentativa e esperar pelo menos 2 ciclos naturais de ovulação para tentar novamente. Assim, os ovários da mulher já vão ter voltado ao tamanho normal e ao padrão de nível hormonal.

Para quem é indicado a FIV

Esse tipo de tratamento de fertilidade pode ser indicado em diversos casos. Em geral, ele é recomendado para:

  •         Casais que têm mais de 35 anos;
  •         Pacientes que têm algum problema de saúde conhecido que causa a infertilidade, como uma azoospermia, obstrução tubária ou quando há fator associado entre o homem e a mulher;
  •         Casais que estão tentando engravidar há bastante tempo e ainda não conseguiram.

A fertilização in vitro também é uma boa opção para as mulheres que têm dificuldades para produzir óvulos. Afinal, com a FIV, elas podem tentar engravidar com óvulos de doadoras.

Esse tratamento é considerado de alta complexidade, mas muitas pessoas optam por ele, porque a FIV é capaz de auxiliar em diversos casos e já trouxe bons resultados para milhares de famílias ao redor do mundo.

Se você e seu parceiro estão tentando engravidar há algum tempo e ainda não obtiveram sucesso, a FIV pode ser uma boa opção para solucionar essa dificuldade. 

Contudo, lembre-se de que vocês devem consultar um especialista na área e fazer exames para que o profissional possa entender melhor o caso. Só então ele vai dizer se a fertilização in vitro é o tratamento adequado para vocês.

Aqui na Clínica Reprodução Humana e Fertilização do Amato – Instituto de Medicina Avançada temos profissionais capacitados e especializados em tratamentos de fertilidade. Então, se você e seu parceiro ainda não sabem aonde ir para descobrir mais sobre o seu caso, marque uma consulta conosco para que possamos ajudá-los. 


Assine o melhor canal de saúde no Youtube

 

 

O post Como funciona a fertilização in vitro? apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Em busca da fertilidade.

Thu, 01/21/2021 - 09:28

A Dra Juliana Amato acabou de publicar o livro “Em Busca da Fertilidade“, de leitura fácil e respondendo as perguntas e dúvidas mais comuns encontradas no consultório de reprodução humana sobre o tratamento da infertilidade, tanto masculina quanto feminina. Quais são as doenças mais comuns, quais sao os tratamentos disponíveis e aplicáveis em cada caso.

O livro está disponível pela editora Lulu e pelo Clube de Autores.


Assine o melhor canal de saúde no Youtube
Clube dos autores Lulu Amazon

O post Em busca da fertilidade. apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Tensão Pré Menstrual (TPM)

Wed, 01/20/2021 - 18:31

Artigo sobre TPM no Segredoa da Mente, onde a Dra Juliana responde perguntas importantes.

TPM

O post Tensão Pré Menstrual (TPM) apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Ovulação: momento mais importante do ciclo

Wed, 01/20/2021 - 08:38
Vamos direto ao assunto?

A cada mês, quando a mulher inicia seu ciclo menstrual, vários óvulos começam a se desenvolver em ambos os ovários. Cada óvulo se desenvolve dentro de uma estrutura chamada de “folículo”.
O corpo inicia a ovulação liberando um hormônio chamado hormônio luteinizante ou LH. Este hormônio é prontamente medido na urina por volta de 12 a 24 horas antes da liberação do óvulo.  Kits de detecção de ovulação podem ser usados para detectar o pico de concentração do LH – o momento no ciclo feminino onde esta está mais propensa a engravidar. Durante a ovulação, o folículo se rompe, liberando o fluido de seu interior e logo liberando o óvulo.
Este óvulo abandona o folículo ovariano e é capturado no final do Tubo de Falópio. Ali, ele começa a movimentar-se vagarosamente para baixo do tubo em direção ao útero. No entanto, para uma gravidez se desenvolver, é necessário primeiro que o óvulo encontre o espermatozoide enquanto ainda está na trajetória dentro do tubo de falópio. A sua fertilização deve ocorrer dentro das primeiras 24 horas ou ele morre.

O que é a ovulação?

Ovulação é o nome do processo que normalmente ocorre uma vez em cada ciclo menstrual, quando as alterações hormonais estimulam um ovário a liberar um óvulo. Explicamos aqui a ovulação e como usar esse conhecimento para ajudá-la a engravidar.

Ovulação:

Ovulação é o nome do processo que ocorre normalmente uma vez em cada ciclo menstrual, quando as alterações hormonais estimulam um ovário a liberar um óvulo. Você pode engravidar apenas se um espermatozoide fertilizar um óvulo. A ovulação geralmente ocorre de 12 a 16 dias antes do início da próxima menstruação.

Com a aproximação da ovulação, o corpo da mulher aumenta a produção de um hormônio chamado estrogênio, que causa o espessamento do revestimento do útero e ajuda a criar um ambiente acolhedor e apropriado para o espermatozoide.
Os altos níveis de estrogênio acionam um súbito aumento em outro hormônio, chamado de hormônio luteinizante (LH). Esse aumento de “LH” causa a liberação do óvulo maduro do ovário – isso é a ovulação.
A ovulação vai ocorrer normalmente de 24 a 36 horas após o aumento de LH e, portanto, o aumento de LH é bom para prever o pico de fertilidade, ou seja, o melhor momento para engravidar.
O óvulo pode ser fertilizado apenas até 24 horas após a ovulação. Se não for fertilizado, o revestimento, todo aquele ambiente acolhedor, do útero será descartado (e o óvulo irá com ele) e a menstruação iniciará. Ela marca o início do próximo ciclo menstrual.

Qual é a diferença entre ovulação e dias férteis?

Embora um óvulo sobreviva somente por 24 horas, o espermatozoide pode permanecer ativo por até 5 dias. Portanto, pode ser surpreendente saber que um casal pode engravidar tendo relações sexuais 4 a 5 dias antes da liberação do óvulo.

A “janela de fertilidade” total, levando em consideração a vida útil do espermatozoide e do óvulo, é de cerca de 6 dias. Os “dias férteis” são todos aqueles durante o ciclo menstrual quando você tem a capacidade de engravidar se mantiver relações sexuais sem proteção.

A identificação de dias férteis adicionais proporciona aos casais mais flexibilidade para planejar as relações sexuais em seu estilo de vida e também mais oportunidades para conceber, o que pode reduzir a pressão que eles sofrem ao tentar engravidar.

Quando uma mulher é mais fértil?

Em cada ciclo, os dias nos quais você está mais fértil, portanto com maior probabilidade de engravidar por relação sexual sem proteção, são o dia da ovulação e o dia anterior – esses são os dois dias de pico de fertilidade. Alguns dias antes, você também terá fertilidade alta, com oportunidade de engravidar. Fora dessa “janela de fertilidade” de cerca de 6 dias, as chances de engravidar são baixas.

Quando ocorre a ovulação?

A duração do ciclo menstrual varia de mulher para mulher e de ciclo para ciclo, mas geralmente é de 23 a 35 dias. A ovulação geralmente ocorre de 12 a 16 dias antes da próxima menstruação. Muitas mulheres pensam que ovulam no dia 14, mas isso é apenas uma média. Na verdade, a maioria das mulheres ovulará em um dia diferente do ciclo menstrual e isso também variará de ciclo para ciclo. Na verdade, 46% dos ciclos menstruais variam em sete dias ou mais.

Algumas mulheres afirmam sentir uma pontada de dor quando ovulam, mas muitas não sentem nada e não há outros sinais de ovulação físicos. Para engravidar, é importante ter relações sexuais nos dias férteis; se você desejar descobrir quando são seus dias mais férteis, é importante conhecer seu corpo e seu ciclo menstrual.

Quanto tempo dura a ovulação?

Como a ovulação ocorre com a liberação de um óvulo de um ovário, ela pode ser considerada  quase instantânea – o folículo eclode e o óvulo é expelido muito rapidamente para a tuba uterina.

Descubra seus dias mais férteis

Utilize a nossa calculadora de fertilidade para identificar seus próximos dias mais férteis.

 


Assine o melhor canal de saúde no Youtube
jQuery(document).ready(function($) { var delay = 100; setTimeout(function() { $('.elementor-tab-title').removeClass('elementor-active'); $('.elementor-tab-content').css('display', 'none'); }, delay); }); Bibliografia

Fonte: Amato, JLS. Em Busca Da Fertilidade. 2014

O post Ovulação: momento mais importante do ciclo apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Tour do Futebol

Tue, 01/19/2021 - 21:22

Localizado no Estádio do Pacaembu, o Museu do Futebol mostra uma das mais reconhecidas manifestações culturais do Brasil e permite que os visitantes entendam como o futebol, um esporte inglês, originalmente de elite e branco, aos poucos ganhou novos traços e se tornou brasileiro, popular e mestiço, como a própria cultura brasileira. Os visitantes terão acesso a uma sequência de experiências visuais e sonoras de última geração, que relacionam o esporte e a vida brasileira no século XX. O espaço ainda tem a Sala das Curiosidades, com informações sobre o esporte e o Jogo de Corpo, onde a pessoa testa a potência do chute, assiste a jogadas em câmera lenta e vê o que acontece no corpo do atleta quando está jogando. Neste tour, há também a visita panorâmica ao Estádio do Morumbi, maior estádio particular do mundo (visita interna opcional ao Memorial do São Paulo Futebol Clube – ingresso não incluso).

 

PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONTACTAR:
LINK PREMIUM VIAGENS E TURISMO
Telefone: +55 11 3032.3080
E-mail: [email protected]

O post Tour do Futebol apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Qual hormônio ajuda a engravidar?

Tue, 01/19/2021 - 11:17

Hormônios são substâncias essenciais para o organismo humano, porque desempenham diversos papeis no corpo que contribuem para que ele funcione de forma adequada. Eles auxiliam, por exemplo, a regular a pressão arterial, a controlar a glicemia no organismo, no desenvolvimento dos indivíduos e até nas possibilidades de uma mulher engravidar.

Existe mais de um hormônio que influencia no sucesso de uma gravidez e, caso haja qualquer alteração neles, a mulher pode ter dificuldades para engravidar ou manter uma gestação.

É fundamental que uma mulher que deseja engravidar conheça esses hormônios, porque uma alteração em uma ou mais dessas substâncias pode ser a causa de infertilidade da paciente.

Então, para que você os conheça, listamos abaixo quais são os hormônios que ajudam uma mulher a engravidar!

Hormônios que ajudam a engravidar Estrogênio

O estrogênio é conhecido como o principal hormônio sexual feminino, porque ele é responsável pelo desenvolvimento físico e sexual das mulheres. É esse hormônio que atua, por exemplo, na formação e no amadurecimento do endométrio, do sistema reprodutor e dos seios.

Além disso, o estrogênio é importante para que ocorra a gravidez. Isso porque ele auxilia no crescimento folicular, no amadurecimento do óvulo, na circulação na membrana uterina e na união do espermatozoide com o óvulo.

Então, se uma mulher tiver pouco ou muito estrogênio no organismo, ela pode apresentar problemas para engravidar. Por isso, é muito importante que um especialista analise a quantidade de estrogênio no corpo da mulher que está tentando engravidar.

Dessa forma, ele saberá se a infertilidade é causada pelo estrogênio e qual é o melhor tratamento para o caso.

FSH e LH

O hormônio folículo estimulante (FSH) e o luteinizante (LH) têm como principal função no organismo estimular o crescimento do folículo, que é um revestimento que protege o óvulo antes de ocorrer a ovulação.

O FSH e o LH também influenciam na produção e na liberação dos óvulos, porque eles atuam na regulação da função hormonal e do desenvolvimento dos ovários. Esses hormônios ainda são importantes para os homens que estão tentando ter filhos, pois eles atuam nos testículos aumentando a produção de espermatozoides.

Devido à importância do crescimento folicular para uma gravidez, atualmente existem diversos medicamentos de tratamento de fertilidade que possuem o FSH em suas composições.

Esses remédios podem ser usados em determinados tratamentos, como o de indução da ovulação e de inseminação artificial. Mas, é importante ressaltar que a utilização deles sempre deve ser recomendada e orientada pelo médico responsável pelo tratamento.

HCG

Gonadotrofina coriônica humana (HCG) é um hormônio que faz parte do mesmo grupo do FSH e LH, mas que possui diferentes funções no organismo. O HCG não auxilia a mulher a engravidar, porém ele é conhecido como hormônio da gravidez, porque só começa a ser produzido no corpo quando a mulher está grávida.

A função dele é manter o corpo lúteo, uma estrutura que se desenvolve no ovário após a ovulação, no início da gestação até que a placenta se forme e possa assumir a produção de estrogênio e progesterona. O HCG ainda é responsável por inibir a menstruação durante a gestação.

A molécula desse hormônio é dividida em duas partes. Uma é bem parecida com o FSH e o LH, já a outra é única. Esta, que é chamada de beta, é o elemento que os testes de gravidez verificam justamente porque ela geralmente só é produzida em altos níveis quando uma mulher está grávida.

Progesterona

A progesterona é um hormônio importante tanto antes da gravidez quanto durante. Ele é essencial para que a gestação aconteça, porque ele é produzido pelo ovário no ciclo menstrual justamente para preparar o endométrio para a implantação do embrião no útero. Ou seja, a progesterona prepara o organismo feminino para a gravidez.

Já durante a gestação, o hormônio garante que a gravidez seja segura e ainda atua na preparação das glândulas mamárias para a produção de leite depois que o bebê nascer.

Caso uma mulher grávida tenha um nível baixo de progesterona, ela pode tomar um suplemento do hormônio para que a gravidez seja mais segura. Entretanto, novamente quem deve indicar a suplementação é o médico que acompanha a gestação. 

Isso é essencial, porque ele sabe realmente se é necessário o suplemento e como a paciente deve consumir esse medicamento.

TSH

Os hormônios estimulantes da tireoide (TSH) realizam diversas atividades no organismo para garantir que ele vai funcionar de forma adequada. Em relação à gravidez eles são importantes, porque atuam com a progesterona e o estrogênio para promover o funcionamento dos ovários e auxiliar no amadurecimento dos óvulos.

Então, se a mulher apresenta falta ou excesso de TSH em seu organismo, ela pode ter problemas de infertilidade. Afinal, os ovários e o crescimento dos óvulos são afetados por essa alteração.

Por isso, quando uma mulher busca saber sua causa de infertilidade é necessário analisar os níveis de TSH em seu organismo.

Prolactina

A prolactina é bastante conhecida como o hormônio responsável pela produção de leite materno, já que atua nas glândulas mamárias estimulando a formação da bebida. Mas, ela também é importante para a gravidez, pois é a prolactina que libera a gonadotrofina (gnRH) no organismo durante o ciclo menstrual. E é a gnRH que libera o FSH e o LH que vão estimular o crescimento do folículo na mulher.

Sendo assim, níveis alterados de prolactina no organismo também podem prejudicar a fertilidade de uma mulher. Se uma moça apresenta esse hormônio em excesso, por exemplo, o cérebro entende que ela já está amamentando e para de colaborar com o desenvolvimento folicular.

Como os hormônios listados aqui ajudam a engravidar e a manter uma gestação segura, eles precisam estar equilibrados no organismo da mulher que deseja ter um filho.

Se você estiver enfrentando dificuldades para engravidar, deve se consultar com um especialista para que ele verifique se todos os hormônios estão equilibrados em seu organismo. De acordo com o diagnóstico, ele poderá lhe indicar o melhor tratamento para seu caso.

Agora que você sabe quais hormônios ajudam a engravidar, veja também se existem pré-requisitos para ser elegível a um tratamento de fertilidade!

Dra. Juliana Amato

O post Qual hormônio ajuda a engravidar? apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Parque da Cantareira

Tue, 01/19/2021 - 09:58

Através de uma trilha na Mata Atlântica dentro do Parque Estadual da Cantareira chega-se ao mais belo mirante da cidade de São Paulo. Macacos e várias aves podem ser vistos nesta caminhada de 2 horas. A experiência fica ainda mais completa nos restaurantes ao redor do parque, que servem as delícias da cozinha caipira. No local, há também lojas de artesanato, antiguidades e roupas.

 

PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONTACTAR:
LINK PREMIUM VIAGENS E TURISMO
Telefone: +55 11 3032.3080
E-mail: [email protected]

O post Parque da Cantareira apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Planejamento de Fertilidade

Mon, 01/18/2021 - 19:45

Referencia:
http://v2.maringasaude.com.br/ferramentas/calculaOvulacao.htm

O post Planejamento de Fertilidade apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Embu das Artes

Mon, 01/18/2021 - 09:12

Tradicionalmente famosa por seu artesanato e suas galerias de arte, Embu das Artes também chama a atenção por sua arquitetura colonial, por sua história ligada à catequização pelos jesuítas, e pela culinária tipicamente brasileira. A apenas 25 km de São Paulo é um passeio ideal para caminhar, fazer compras de artesanatos e antiguidades, e saborear uma ótima comida. 

 

PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONTACTAR:
LINK PREMIUM VIAGENS E TURISMO
Telefone: +55 11 3032.3080
E-mail: [email protected]

O post Embu das Artes apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Circuito de Museus

Fri, 01/15/2021 - 19:43

São Paulo possui um dos principais acervos de arte e relíquias históricas da América Latina. Neste tour, você poderá conhecer alguns dos principais museus que tornaram a cidade uma das principais capitais culturais do mundo, como o MASP (Museu de Arte de São Paulo), o MAM (Museu de Arte Moderna), o MAC (Museu de Arte Contemporânea). No Museu da Língua Portuguesa, o visitante poderá explorar através de muita tecnologia e interatividade, a história do idioma português e, depois, visitar a Pinacoteca do Estado, onde estão mais de 4 mil obras de artistas como Portinari, Anita Mafaldi, Victor Brecheret, Almeida Junior, entre outros. 

 

PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONTACTAR:
LINK PREMIUM VIAGENS E TURISMO
Telefone: +55 11 3032.3080
E-mail: [email protected]

O post Circuito de Museus apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Centro Histórico

Fri, 01/15/2021 - 06:36

O visitante conhecerá os principais pontos turísticos do Centro de São Paulo, como a Praça da República, Edifício Itália, Avenida São Luis, Avenida 23 de Maio, Bairro da Liberdade, Casa de Portugal, Praça da Sé e Marco Zero, Catedral da Sé, Conjunto Cultural da Caixa, Solar da Marquesa, Pátio do Colégio, Complexo São Bento, Edifício Martinelli, Edifício Altino Arantes (Banespa), Vale do Anhangabaú, Viaduto do Chá, Teatro Municipal, Praça Ramos de Azevedo, Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos / Largo do Paissandu, cruzamento da Av. Ipiranga com a Av. São João, Estação Pinacoteca, Estação da Luz, Pinacoteca do Estado, Mercado Municipal Paulistano. 

 

PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONTACTAR:
LINK PREMIUM VIAGENS E TURISMO
Telefone: +55 11 3032.3080
E-mail: [email protected]

O post Centro Histórico apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Foz do Iguaçu

Thu, 01/14/2021 - 19:07

Eleita uma das 7 Maravilhas da Natureza, o conjunto de cataratas, na fronteira entre Brasil, Argentina e Paraguai, vem se consolidando como um dos principais destinos turísticos do mundo. Atraídos pelo conjunto de 275 quedas d´água que chegam a 90 metros, os turistas encantam-se não somente com o visual, mas com as diversas maneiras de apreciá-lo. Dentro do Parque Nacional, tombado como Patrimônio da Humanidade, as opções são os mirantes e as passarelas. Nos arredores, há passeios de barco e helicóptero, caminhadas e rafting, enquanto na parte argentina, vale a pena conhecer a Garganta do Diabo. Outro grande destaque é o passeio à Usina Hidrelétrica de Itaipu, uma das maiores do mundo, com tour técnico que leva às turbinas. Além disso, Foz do Iguaçu destaca-se pela deliciosa culinária composta pelos peixes do rio Paraná. 

 

PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONTACTAR:
LINK PREMIUM VIAGENS E TURISMO
Telefone: +55 11 3032.3080
E-mail: [email protected]

O post Foz do Iguaçu apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Quanto custa uma fertilização in vitro em 2021?

Thu, 01/14/2021 - 15:01

Um novo ano se inicia e com ele muitos casais planejam começar um tratamento de fertilidade para realizarem o sonho de ter um bebê. Atualmente, existem diversos tipos de tratamento, sendo que a fertilização in vitro (FIV) é uma das mais conhecidas já que ela pode ser bem-sucedida até em casos mais complexos de infertilidade.

Por conseguir ajudar em casos mais complicados, o valor desse tratamento costuma ser mais elevado que outros, como a indução da ovulação ou a relação sexual programada. Sendo assim, seu valor gera curiosidade nos casais que desejam saber se conseguem realizar uma fertilização, caso seja necessário.

Para saber quanto custa uma fertilização in vitro em 2021, primeiro o casal deve conhecer bem o procedimento e entender quais são os custos envolvidos nesse tratamento. Por isso, a seguir, vamos explicar as etapas da FIV e quais custos devem ser considerados na hora de calcular o valor de todo o procedimento.

Procedimento da fertilização in vitro

De forma simplificada, na FIV é realizada a indução da ovulação na mulher para estimular o desenvolvimento e a liberação de óvulos que serão fecundados com o espermatozoide em um meio de cultura.

Após a formação do embrião, este é transferido para o útero da mulher. Depois de alguns dias da realização do procedimento, a paciente deve ir ao médico para conferir se o tratamento foi bem-sucedido. Veja, agora, os custos envolvidos em cada uma dessas etapas:

Estimulação da ovulação

A indução da ovulação é feita por meio de injeções diárias que a paciente aplica em si mesma em casa. A cada 2 ou 3 dias, ela deve fazer um ultrassom com seu médico para acompanhar o crescimento folicular.

Geralmente, nessa primeira etapa, a mulher vai acompanhar esse crescimento com o médico em torno de 5 vezes. Quando os folículos atingem um determinado tamanho, a paciente tem que usar outra medicação que a faz ovular 36 horas depois. 

Esse acompanhamento e a avaliação da estimulação da ovulação são feitos integralmente no consultório do médico. Então, nessa fase do tratamento, é necessário considerar entre os custos: os honorários do profissional que está acompanhando a paciente, o valor dos ultrassons realizados e dos medicamentos usados.

Aqui, é importante salientar que é muito difícil determinar o custo exato dos medicamentos, sem consulta prévia, porque cada paciente responde de uma maneira à medicação. Se a mulher tem uma baixa reserva ovariana, por exemplo, sua dosagem tem que ser maior que a de uma paciente que tem uma reserva ovariana mais alta.

O remédio receitado pelo médico também pode variar de acordo com a causa da infertilidade do casal. Uma mulher que tem endometriose geralmente deve tomar mais de um medicamento durante o tratamento, enquanto uma com ovário policístico possivelmente vai gastar menos com medicação.

Retirada de folículos

A segunda etapa da fertilização in vitro é a retirada dos folículos, que é realizada em uma sala cirúrgica de um laboratório de reprodução assistida. Após a retirada, os folículos são enviados para o laboratório, onde um biólogo faz a fertilização em um meio de cultura.

Por isso, nessa etapa, entre os custos devem ser considerados: a manutenção do espaço físico do laboratório, o honorário do biólogo para a fertilização e a avaliação diária do embrião, o valor dos equipamentos usados no procedimento (como pipetas, placa de petri e microscópios) e da incubadora.

Aqui, novamente é difícil definir um custo exato, porque há muitas variáveis envolvidas. O honorário do biólogo e o custo da manutenção do laboratório, por exemplo, podem mudar de acordo com o estabelecimento escolhido no tratamento. Obviamente o seu médico especialista em reprodução humana já tem seu laboratório de escolha, e poderá passar isso em consulta.

Como existem muitas variáveis, é importante lembrar que o tratamento não deve ser guiado somente pelo valor dos serviços. Ou seja, o casal não deve se decidir por um laboratório ou profissional porque eles cobram mais barato ou mais caro.

O fundamental é verificar a qualidade do serviço realizado, a estrutura do local, os equipamentos disponíveis para o procedimento e, se possível, conversar com ex-pacientes.

Transferência do embrião para o útero

Quando o embrião está formado, é a hora de fazer a transferência dele do meio de cultura para o útero da mulher. Após a realização do procedimento, a paciente tem que esperar alguns dias até verificar com o médico se o tratamento obteve sucesso.

Nessa terceira etapa, é preciso levar em conta os custos da sala onde é feita a transferência, do laboratório e do médico que vai realizar o procedimento. Novamente, são custos que podem variar.

Nem todos os profissionais especializados em reprodução assistida, por exemplo, cobram o mesmo valor pelos serviços realizados. O custo pode diminuir ou aumentar de acordo com a experiência do médico, seus estudos e a região em que atua.

Justamente por envolver custos muito variáveis que é difícil definir um valor fixo para a fertilização in vitro em 2021. Não é possível afirmar quanto o procedimento vai custar exatamente, porque isso depende do diagnóstico do casal e do profissional que eles escolherem para acompanhar o tratamento.

Então, mesmo que você veja um valor exato na internet ou em alguma clínica, lembre-se de que o custo mostrado pode não valer para o seu caso. Afinal, dependendo da causa da infertilidade, você pode ter que tomar mais ou menos medicamentos. Ainda, os honorários dos profissionais envolvidos podem ser maiores ou menores.

Por isso, o que é possível fazer é explicar essas variáveis para que os interessados se lembrem de considerá-las na hora de calcular quanto vai custar o tratamento para eles.

Como ter uma ideia mais exata do custo de uma inseminação para você?

A única forma de saber quanto custa uma fertilização in vitro para você é consultar um médico especialista em reprodução assistida para que ele possa avaliar o seu caso. Dessa forma, ele será capaz de calcular os custos de todo o procedimento, incluindo honorários e medicamentos, e passar um valor bem próximo do real.

Então, se você quer conhecer o valor do tratamento, marque uma consulta com um especialista! Depois de entender o que deve ser considerado no custo da fertilização in vitro em 2021, veja também quanto tempo pode durar um tratamento de fertilidade


Assine o melhor canal de saúde no Youtube

 

O post Quanto custa uma fertilização in vitro em 2021? apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Fazenda de Café

Thu, 01/14/2021 - 08:41

Descubra o turismo rural em uma linda fazenda histórica de café do século XVIII em plena atividade, a apenas duas horas de São Paulo, na região de Campinas. O passeio inclui a visita ao roteiro do café, onde será possível ver as plantações e acompanhar o processo de cultivo do café. O visitante poderá como caminhar pela plantação, conhecer o Museu do Café, a antiga Senzala e visitar as construções históricas.

 

 

PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONTACTAR:
LINK PREMIUM VIAGENS E TURISMO
Telefone: +55 11 3032.3080
E-mail: [email protected]

O post Fazenda de Café apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Campos do Jordão

Wed, 01/13/2021 - 21:50

Campos do Jordão, localizada no Alto da Serra da Mantiqueira, é a cidade mais alta do Brasil, estando a 1.700m de altitude. Além do clima frio e da arquitetura europeia, os chocolates e a malharia fazem de Campos do Jordão um dos destinos turísticos mais procurados do Estado. Serão visitados alguns dos principais pontos turísticos da cidade, como o pico de Itapeva, com 2.035 metros de altura e vista panorâmica do Vale do Paraíba, o Alto do Capivari, com visão panorâmica do centro turístico, o Alto da Vila Inglesa e suas mansões, o Palácio Boa Vista e o Morro do Elefante. 

 

 

PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONTACTAR:
LINK PREMIUM VIAGENS E TURISMO
Telefone: +55 11 3032.3080
E-mail: [email protected]

O post Campos do Jordão apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Santuário de Aparecida

Wed, 01/13/2021 - 07:34

A cidade de Aparecida está localizada na região do Vale do Paraíba, a 166 km da cidade de São Paulo. Lá se encontra o Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida que recebe anualmente sete milhões de romeiros e é considerado o maior santuário mariano do mundo. Neste passeio, o visitante irá conhecer a Passarela da Fé, a Basílica Velha, de 1888, a Basílica Nova, de 1980 e consagrada pelo Papa João Paulo II. Lá se encontram a imagem da Padroeira do Brasil, além da Capela das Velas e a Sala dos Milagres.

 

 

PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONTACTAR:
LINK PREMIUM VIAGENS E TURISMO
Telefone: +55 11 3032.3080
E-mail: [email protected]

O post Santuário de Aparecida apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Ilhabela

Tue, 01/12/2021 - 20:26

Conhecida por ter algumas das praias mais bonitas do litoral brasileiro, Ilhabela combina natureza, cultura e vida noturna. Com centenas de ilhas, você poderá conhecer algumas das principais praias da região em uma excursão de barco passando pelas praias do Bonete, Indaiaúba, Anchovas, saco do Sombrio, Castelhanos, Eustáquio, Poço e Jabaquara. O centro da cidade possui vários ateliers, restaurantes, bares e lojas de artesanato, que transmitem ao turista a tranquilidade de viver nesta ilha. 

 

 

PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONTACTAR:
LINK PREMIUM VIAGENS E TURISMO
Telefone: +55 11 3032.3080
E-mail: [email protected]

O post Ilhabela apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Litoral Norte

Tue, 01/12/2021 - 10:03

Famoso por sua beleza natural, o Litoral Norte de São Paulo é um pedaço especial da costa brasileira. Nosso passeio percorrerá algumas das belas praias que fazem parte da região conhecida como Costa dos Alcatrazes, como as praias de Boracéia, Juréia, Barra do Una e Juquehy, onde o visitante poderá caminhar e observar espécimes da Mata Atlântica, formações como a Serra do Mar e tomar um refrescante banho de mar. 

 

 

PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONTACTAR:
LINK PREMIUM VIAGENS E TURISMO
Telefone: +55 11 3032.3080
E-mail: [email protected]

O post Litoral Norte apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Fatores Ambientais e Ocupacionais que interferem na fertilidade

Mon, 01/11/2021 - 20:44

A habilidade para conceber pode ser afetada pela exposição a várias toxinas ou substâncias químicas no local de trabalho ou no ambiente circundante. Substâncias que podem causar mutações, defeitos de nascimento, abortos, infertilidade ou esterilidade são chamadas toxinas reprodutivas. 
Desordens de infertilidade, reprodução, aborto espontâneo e teratogênese (processo no qual malformações congênitas são produzidas em um embrião ou feto) estão entre as dez mais citadas doenças ou desordens relacionadas ao trabalho nos EUA hoje. Ao contrário do fato de que existe uma considerável controvérsia em relação aos impactos das toxinas na fertilidade, 4 substâncias químicas estão agora sendo reguladas baseadas na sua documentada interferência na concepção.

1.    CHUMBO
Exposição a fontes de chumbo tem sido relacionada a um negativo impacto na fertilidade em humanos. O chumbo pode produzir teratozoospermias (espermatozoides anormais) e se acredita que possa ser um abortivo ou substância que cause um aborto artificial.

2.    MATERIAIS E TRATAMENTOS MÉDICOS
Exposição repetida à radiação, desde simples tomadas radiográficas, até a quimioterapia têm sido mostrados como fatores alteradores na produção de espermatozoides, assim como contribuintes em uma grande gama de problemas ovarianos.

3.    ÓXIDO DE ETILENO
Uma substância química usada tanto na esterilização de instrumentos cirúrgicos como na manufatura de certos pesticidas, o óxido de etileno pode causar defeitos de nascimento em casos de gravidez precoce e tem o potencial de provocar o aborto espontâneo precoce.

4.    DIBROMOCLOROPROPANO (DBCP)
A manipulação de químicos achados em pesticidas, como o DBCP, pode causar problemas ovarianos, levando a uma variedade de problemas de saúde, como menopausa precoce, que pode gerar um impacto na fertilidade.

 

*Muitas destas informações são do site stanford.edu
Fonte: Amato, JLS. Em Busca Da Fertilidade. 2014

O post Fatores Ambientais e Ocupacionais que interferem na fertilidade apareceu primeiro em Fertilidade.org.

Categories: Medical

Pages